sábado, 10 de dezembro de 2016

Fan art: Capa da Edição dos Campeões 2016 (Placar)

Mais um ano futebolístico se encerra, e aqui deixo uma criação própria imaginando como seria a capa da edição especial dos campeões, que a Revista Placar lança quase todos os anos desde 1980.


Esperamos que lance neste final de ano uma edição completa com todos os campeões, pois tivemos em junho uma revista especial apenas com os campeões estaduais.

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Grêmio Campeão da Copa do Brasil 2016

A espera finalmente acabou. Depois de 15 anos sem conquistas em primeiro nível nacional, o Grêmio levanta a sua quinta Copa do Brasil. Passando nas fases por Atlético-PR, Palmeiras e Cruzeiro, o Tricolor chegou na final contra o Atlético-MG. E não deu chances ao rival, venceu por 3x1 no Mineirão e segurou o 1x1 na sua Arena. Assim, o Grêmio se torna o maior vencedor da história da Copa do Brasil.


Foto Divulgação/Revista Placar

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Chapecoense Campeã da Copa Sul-Americana 2016

Independente da decisão que a Conmebol tomar sobre o destino da final da Sul-Americana entre Chapecoense e Atlético Nacional, que infelizmente não aconteceu, o mundo do futebol já decretou o resultado...


Do Oeste Catarinense para a Eternidade.

domingo, 27 de novembro de 2016

Palmeiras Campeão Brasileiro Série A 2016

Depois de 22 anos, o Palmeiras volta a conquistar o título brasileiro. Com uma campanha impecável, foram 77 pontos em 37 partidas, com 23 vitórias, oito empates e apenas seis derrotas. Líder durante 27 rodadas, o nono título do Verdão na primeira divisão chegou a uma rodada do fim, na vitória por 1x0 sobre a Chapecoense.


Foto Divulgação/Sociedade Esportiva Palmeiras

domingo, 13 de novembro de 2016

Atlético-GO Campeão Brasileiro Série B 2016

O Atlético-GO chegou ao seu terceiro título nacional ao vencer o Brasileiro da Série B com duas rodadas de antecedência. Presente no G4 da competição em 35 das 36 rodadas, chegou a 70 pontos e não pode mais ser alcançado pelos outros times que brigam pelo acesso, como Vasco, Avaí, Bahia, Náutico, CRB e Londrina. O título foi conquistado em casa, no Estádio Olímpico de Goiânia, ao derrotar o rebaixado Tupi por 5x3.


Foto Divulgação/Atlético Clube Goianiense

terça-feira, 8 de novembro de 2016

Boa Esporte Campeão Brasileiro Série C 2016

Um ano depois de ser rebaixado na Série B, o Boa Esporte conseguiu o retorno imediato e em grande estilo, como campeão da Série C. Depois de ser vice-líder do grupo B, obteve o acesso diante do Botafogo-PB, com o gol aos 50 minutos do segundo tempo. Na semifinal, eliminou o Juventude vencendo os dois jogos. E na final passou pelo Guarani. Empate em 1x1 em Campinas e vitória por 3x0 em Varginha. Junto com o Boa, sobem Guarani, ABC e Juventude.


Foto Lucas Figueiredo/Confederação Brasileira de Futebol

quarta-feira, 2 de novembro de 2016

Fast Campeão Amazonense 2016

Foram 45 anos de espera até que o Fast pudesse gritar como campeão em Amazonas. Desde 1971 foram dez vices do Tricolor Amazonense. E em 2016 o Fast liderou a maior parte do campeonato. Com o primeiro lugar na mão, eliminou o Rio Negro na semifinal e venceu o Princesa do Solimões na final por 3x1. É o sétimo título da equipe que quebrou o longo tabu.


Foto Divulgação/Nacional Fast Clube

Santos-AP Campeão Amapaense 2016

O Santos chegou ao tetracampeonato no Amapá. E pela segunda vez seguida derrotou na final o time do Trem. Na partida única, houve empate em 1x1. E nos pênaltis, assim como em 2015, deu Santos por 4x3. Este é o quinto título na história do clube.


Foto Divulgação/Federação Amapaense de Futebol

São Raimundo-RR Campeão Roraimense 2016 e Gurupi Campeão Tocantinense 2016

Em Roraima e no Tocantins, nada de grandes novidades como campeões estaduais. O São Raimundo foi o vencedor no Roraimense pela sétima vez. Na final, derrotou o Baré nos pênaltis (2x2 no tempo normal, 3x2 nas cobranças). O Gurupi venceu o Tocantinense e se isolou como maior vencedor no estado com seis títulos. Venceu na final o Tocantins de Miracema (0x0 e 3x2 nos dois jogos).


Fotos Divulgação/Revista Placar e Divulgação

domingo, 2 de outubro de 2016

Volta Redonda Campeão Brasileiro Série D 2016

O Volta Redonda conquistou o primeiro título nacional de 2016, o Brasileiro Série D. A final foi contra o time alagoano do CSA. Empate em 0x0 em Maceió e goleada por 4x0 no Raulino de Oliveira. Com uma histórica campanha de dez vitórias, seis empates e nenhuma derrota, o Voltaço sobe para a Série C ao lado do próprio CSA, São Bento e Moto Club. A missão agora será retornar para a Série B, algo que não ocorre desde 1998.


Foto: Dalila Almeida/Volta Redonda Futebol Clube

Brasil Campeão Olímpico 2016

A espera de 64 anos terminou. A Seleção Brasileira estreou nos Jogos Olímpicos na edição de 1952, em Helsinque, em uma época em que apenas seleções amadoras eram autorizadas a participar. De lá para cá, o Brasil sempre amargou péssimos resultados, sobretudo contra as fortes seleções da "Cortina de Ferro", onde os jogadores eram considerados "funcionários do governo", portanto, amadores. A regra mudou em 1984, nos Jogos de Los Angeles, e o Brasil melhorou de figura. Duas pratas, em 1984 e em 1988 (Seul) deixaram a Seleção com o gosto do ouro. A obsessão começou em 1996 em Atlanta, depois da derrota para a Nigéria e o frustrante bronze. Mais fracassos em 2000 (Sydney), 2008 (Pequim, bronze) e 2012 (Londres, prata) tornaram a conquista do ouro em 2016 como questão de honra. E a medalha veio depois de uma campanha invicta, com três vitórias e três empates, 13 gols marcados e apenas um sofrido. A final foi contra a carrasca do 7x1 na Copa 2014, a Alemanha. Empate em 1x1 nos 120 minutos e vitória nos pênaltis por 5x4.


Foto Ricardo Stuckert/Confederação Brasileira de Futebol

terça-feira, 12 de julho de 2016

Rondoniense Campeão Rondoniense 2016

Não, o título não está errado. O campeão rondoniense de 2016 foi o estreante Rondoniense Social Club, fundado em 2015, e que em seu primeiro ano de profissional subiu de divisão e derrubou os grandes do estado neste ano. Passou por campeões de outrora, como Ji-Paraná e Guajará e enfrentou na final o Genus. Empatou na ida em 1x1 e venceu por 1x0 na volta. Campeão invicto e com sobras.


Foto Divulgação / Federação de Futebol do Estado de Rondônia

terça-feira, 21 de junho de 2016

Campinense Campeão Paraibano 2016

O Campinense precisou superar literalmente tudo, dos adversários em campo até as polêmicas judiciais para ser campeão paraibano de 2016. Embalado pelo vice-campeonato na Copa do Nordeste e a possibilidade de disputar a Copa Sul-Americana ainda neste ano, o time fez a final do estadual contra o rival da capital, o Botafogo. Venceu em João Pessoa por 2x0 e jogou com o regulamento embaixo do braço em Campina Grande. A derrota por 0x1 valeu o bicampeonato ao rubro-negro.


Foto Junot Lacet/Campinense Clube

terça-feira, 7 de junho de 2016

Palmeiras Campeão Brasileiro 1993

Um dos melhores times da história do Palmeiras, uma das melhores campanhas no Campeonato Brasileiro. O Palmeiras em 1993 foi sem dúvida nenhuma o grande campeão nacional. Superando entre vários oponentes, Santos, São Paulo e o surpreendente Vitória na final. E vencendo tanto na Fonte Nova (1x0) quanto no Morumbi (2x0).


Internacional Campeão Brasileiro 1975

O Internacional confirmava a condição de melhor time do Brasil ao vencer o Brasileiro em 1975. Entre inúmeros adversários, sobrou na semifinal o Fluminense e na final o Cruzeiro. Em jogo único no Beira-Rio, 1x0 para o Colorado, gol de Figueroa, que ficou conhecido como "Gol iluminado", pois o local onde o zagueiro testou para o gol era o único do gramado em que o sol batia no momento.


segunda-feira, 6 de junho de 2016

Guarani Campeão Brasileiro 1978

O primeiro time do interior do Brasil a vencer um título nacional, o Guarani fez isso no ano de 1978. Liderado por Zenon e Careca, o Bugre teve que passar, dentre 83 adversários, Sport e Vasco no mata-mata decisivo, até chegar contra o Palmeiras na final. Venceu tanto no Morumbi quanto no Brinco de Ouro por 1x0 e comemorou sua mais importante conquista.


domingo, 5 de junho de 2016

Grêmio Campeão Brasileiro 1996

O Grêmio venceu seu segundo Campeonato Brasileiro em 1996, 15 anos depois do primeiro, em 1981. Ficou na sexta posição na primeira fase da competição. Passou pelo Palmeiras nas quartas de final, pelo Goiás na semifinal e na final enfrentou a Portuguesa. Perdeu no Morumbi por 0x2 e venceu por 2x0 no Olímpico, o segundo gol marcado por Aílton aos 39 minutos do segundo tempo.


River Campeão Piauiense 2016

Pela trigésima vez na história, o River conquistou o título piauiense. E o tricampeonato de 2016 veio de uma maneira não muito ortodoxa. Foi no tribunal. Depois de ter vencido o primeiro turno, enfrentou na final do segundo o Altos. Venceu por 1x0 e perdeu por 1x3, o que deu o título para o Altos e forçou a final entre os campeões dos turnos. Mas o adversário do River escalou irregularmente um jogador, e foi punido com a perda dos pontos da final. O Galo passou a ficar com o título do segundo turno, logo se tornou campeão estadual.


Foto Divulgação/Tribuna de Barras

Fluminense Campeão Brasileiro 2010

O Fluminense quebrou um tabu de 26 anos em 2010, ao vencer pela terceira vez o Campeonato Brasileiro. Brigando a maior parte do tempo com Corinthians e Cruzeiro, o Fluzão foi até a última rodada na liderança, quando venceu o Guarani por 1x0 no Engenhão, e com 71 pontos em 38 rodadas, comemorou o título brasileiro.


sexta-feira, 3 de junho de 2016

Flamengo Campeão Brasileiro 1980

O Flamengo venceu seu primeiro de seis títulos nacionais no ano de 1980. Com uma das maiores escalações da história do futebol brasileiro. Entre alguns adversários, derrotou Palmeiras, Santos e Coritiba e na final enfrentou o Atlético-MG. Perdeu no Mineirão por 0x1, mas venceu no Maracanã por 3x2 e pela campanha superior ficou com a taça.


quarta-feira, 1 de junho de 2016

Coritiba Campeão Brasileiro 1985

O Coritiba tem como maior título em sua história o Campeonato Brasileiro de 1985. Na final, em jogo único em pleno Maracanã enfrentou o meteórico Bangu, turbinado pela grana duvidosa de Castor de Andrade. O empate em 1x1 levou o jogo aos pênaltis, onde Ado desperdiçou sua cobrança enquanto Índio, Marco Aurélio, Édson, Lela, Vavá e Gomes converteram os seus para o Coxa. 6x5 e festa no Paraná.


Cruzeiro Campeão da Copa do Brasil 2000

O Cruzeiro foi, com muita emoção, o campeão da Copa do Brasil de 2000. Eliminou, na ordem, Gama, Paraná, Caxias, Atlético-PR, Botafogo e Santos até chegar na final contra o São Paulo. O primeiro jogo no Morumbi foi 0x0. No Mineirão, a Raposa perdia até os 35 minutos do segundo tempo, quando Fábio Júnior empatou o jogo. Resultado ainda insuficiente, Geovanni cobrou a falta por baixo da barreira e fez o gol do título aos 45 minutos. Foi o terceiro de quatro títulos cruzeirenses.


Botafogo Campeão Brasileiro 1995

O Botafogo foi o grande campeão brasileiro no ano de 1995. Foi campeão do seu grupo na segunda fase, eliminou o Cruzeiro com dois empates e enfrentou na final o Santos, que havia despachado o Fluminense. Venceu no Maracanã por 2x1 e empatou no Pacaembu em 1x1, conquistando assim um título nacional 27 anos depois (Taça Brasil de 1968).


Bahia Campeão Baiano 2001

O Bahia foi campeão estadual em 2001, um ano muito positivo na história do clube. Além de vencer o título baiano na final contra o Juazeiro, venceu também a Copa do Nordeste em cima do Sport e ficou em oitavo lugar no Brasileiro, empatando nas quartas de final contra o líder São Caetano (perdeu pelo número de pontos).


Corinthians Campeão Brasileiro 1990

Dando um gás na nossa "Série Históricos", o primeiro dos seis títulos do Corinthians no Brasileiro. Em 1990, depois de ficar em terceiro na fase inicial, derrotou Atlético-MG nas quartas de final, Bahia na semifinal, e o São Paulo na grande final, vencendo os dois jogos no Morumbi por 1x0.


domingo, 22 de maio de 2016

Atlético-AC Campeão Acriano 2016

E aconteceu, depois de longos 25 anos, do título do Acriano cair nas mãos do Atlético. E valeu todo o tempo de espera, pois encontrou na final o seu rival, o Rio Branco, e venceu os dois jogos, 3x1 na Arena da Floresta e 2x1 no Florestão. Este é o sétimo título estadual na história do Atlético.


Foto João Paulo Maia/GloboEsporte.com

sexta-feira, 20 de maio de 2016

Moto Club Campeão Maranhense 2016

O Moto Club quebrou um tabu de oito anos e voltou a conquistar o Campeonato Maranhense. Depois de ter vencido o primeiro turno, conquistou também o segundo, ao derrotar o Sampaio Corrêa por 2x1. Mesmo perdendo na ida pelo mesmo placar, sua melhor campanha valeu a 25ª conquista do Moto.


Foto Francisco Silva/Jornal Pequeno

quarta-feira, 11 de maio de 2016

Paysandu Campeão da Copa Verde 2016

O Paysandu conseguiu o título da Copa Verde de 2016, sendo este o seu segundo torneio regional conquistado na história (o primeiro é a Copa Norte de 2002). Na competição de mata-mata, passou pelo Fast-AM nas oitavas de final, pelo Rio Branco-AC nas quartas de final, pelo Remo na semifinal e pelo Gama na final, com vitória em Belém por 2x0 e derrota no Distrito Federal por 1x2.


Foto Adalberto Marques/AGIF

Luverdense Campeão Mato-Grossense 2016

Depois de quatro anos, o Luverdense voltou a conquistar o título no Mato Grosso. Tido como o melhor time do estado na atualidade, por estar sozinho na Série B nacional, o time de Lucas do Rio Verde enfrentou na final o Sinop. Empatou em casa em 0x0 e conseguiu vencer fora por 1x0. É terceira conquista mato-grossense do Luverdense.


Foto Divulgação/Resumo do Esporte MT

Sete de Dourados Campeão Sul-Mato-Grossense 2016

No Mato Grosso do Sul, o Sete de Setembro, da cidade de Dourados, conquistou o estadual pela primeira vez na história. Eliminou o tradicional time do Operário de Campo Grande na semifinal, e na final derroto o Comercial nos dois jogos: 2x1 em Dourados, 2x0 em Campo Grande.


Foto Divulgação/Globo Esporte MS

Santa Cruz Campeão Pernambucano 2016

O Santa Cruz mais uma vez chegou ao título pernambucano, o quinto em seis anos. Embalado ainda pela conquista do Nordestão, o Santinha fez a final estadual contra o Sport. Venceu no Arruda por 1x0 e empatou na Ilha do Retiro em 0x0, faturando assim o 29º título estadual.


Foto Clelio Tomaz/AGIF

Goiás Campeão Goiano 2016

O Goiás conquistou o 26º título estadual de maneira sofrida. Na final contra o Anápolis, não conseguiu vencer nenhum dos jogos. Empatou no interior em 0x0 e na capital em 1x1. Nos pênaltis, enfim o Versão pode comemorar o bicampeonato goiano.


Foto Divulgação/Goiás Esporte Clube

Fortaleza Campeão Cearense 2016

O Fortaleza conquistou o 41º título cearense ao bater na final a grande surpresa do estadual, o Uniclinic. Venceu o primeiro jogo no Presidente Vargas por 4x1 e o segundo no Castelão por 1x0. Por fim, o Tricolor mantém sua hegemonia no estado ao levar para casa o bicampeonato.


Foto JL Rosa/Agência Diário

terça-feira, 10 de maio de 2016

Vitória Campeão Baiano 2016

Depois de três anos, o Vitória voltou a conquistar o título do Campeonato Baiano. Enfrentou na final o Bahia, vencendo na ida no Barradão por 2x0 e perdendo na volta na Fonte Nova por 0x1. Dessa forma, o Leão quebra a hegemonia do rival e chega ao 28º título estadual.


Foto Francisco Galvão/Esporte Clube Vitória

CRB Campeão Alagoano 2016

O CRB venceu mais uma vez o Campeonato Alagoano. Enfrentou na final o seu maior rival, o CSA, e ganhou os dois jogos disputados no Rei Pelé: 2x0 na ida e 1x0 na volta. Este é o 29º título do CRB em Alagoas.


Foto Divulgação/Alagoas 24 Horas

Chapecoense Campeã Catarinense 2016

A Chapecoense conseguiu o título catarinense de 2016. Após vencer o primeiro turno, foi para a final contra o Joinville (campeão do segundo turno). No primeiro jogo, vitória da Chape por 1x0 fora de casa. No segundo jogo, empate em 1x1 em Chapecó. Festa no Oeste Catarinense para a quinta taça da Chapecoense (1977, 1996, 2007, 2011 e 2016).


Foto Divulgação/Associação Chapecoense de Futebol

segunda-feira, 9 de maio de 2016

Atlético-PR Campeão Paranaense 2016

O Atlético-PR voltou a conquistar o Campeonato Paranaense depois de sete anos. E a final não poderia ser melhor. Contra o Coritiba, venceu os dois jogos com autoridade, 3x0 na Arena da Baixada e 2x0 no Couto Pereira. Dessa maneira, o Furacão quebra o jejum e chega ao 23º título estadual.


Foto Divulgação/Gazeta do Povo

Internacional Campeão Gaúcho 2016

Deu Internacional mais uma vez no Rio Grande do Sul. O hexacampeonato veio em final contra o Juventude, vencendo por 1x0 na ida em Caxias do Sul e por 3x0 na volta em Porto Alegre. Além de ser o sexto título seguido colorado, é o 45º ao todo na história do time.


Foto Jeferson Guareze/AGIF

América-MG Campeão Mineiro 2016

O América Mineiro voltou a conquistar um campeonato estadual depois de 15 anos. Encontrou e venceu na final o Atlético, 2x1 na ida e 1x1 na volta. Este título quebra ainda sete anos de jejum sem qualquer conquista do Coelho (desde a Série C de 2009). Foi a 16ª taça do América em Minas Gerais.


Foto Flávio Tavares/Hoje em Dia

domingo, 8 de maio de 2016

Santos Campeão Paulista 2016

O Santos chegou mais uma vez ao título do Campeonato Paulista. O time da Vila Belmiro enfrentou na final de 2016 o time do Audax Osasco, e foi campeão com empate em 1x1 fora e vitória por 1x0 em casa. Este é o 22º título paulista do Peixe, que desde 2006 só não compareceu a final em 2008, e venceu entre 2006 e 2007, 2010 e 2012 e em 2015.


Foto Ricardo Matsukawa/VEJA

Vasco Campeão Carioca 2016

O Vasco levou o bicampeonato carioca invicto. Pelo segundo ano seguinte, o time da Colina enfrentou o Botafogo na final. Vence na ida por 1x0 e empatou na volta em 1x1, os dois jogos sendo no Maracanã. Esta é a 24ª conquista do time carioca no estadual.



Foto Paulo Fernandes/Clube de Regatas Vasco da Gama

Paysandu Campeão Paraense 2016

O Paysandu foi o grande campeão paraense de 2016. Em partida única contra o São Francisco de Santarém, venceu por 2x1 e conquistou o título depois de três anos. Este foi o 46º título do Papão da Curuzu.


Foto Sidney Oliveira/Agência Pará

Luziânia Campeão Brasiliense 2016

O Campeonato Brasiliense (ou Candangão) foi conquistado pela segunda vez na história por um time de fora do estado. Coube novamente ao Luziânia essa proeza. Vencendo na final o Ceilândia (1x0 no jogo derradeiro), o time da Igreja leva a taça para o estado de Goiás novamente. A primeira vez havia sido em 2014.


Foto Divulgação/Associação Atlética Luziânia

Desportiva Campeã Capixaba 2016

A Desportiva foi a grande campeã no estado do Espírito Santo. Depois de ter vencido pela última vez em 2013, e ter sido vice em 2015, chegou em 2016 na final contra o time do Espírito Santo. Depois de duas vitórias por 1x0 nos dois jogos em Cariacica, a "Tiva" conquistou o título capixaba pela 18ª vez.


Foto Henrique Montovanelli/Associação Desportiva Ferrovária

Sergipe Campeão Sergipano 2016

O Sergipe reconquistou a hegemonia no futebol do seu estado, após conquistar o estadual pela 34ª vez na história. Na final, bateu o time do Itabaiana, com vitória por 1x0 em Aracaju e empate em 1x1 no interior. Dessa forma, foi quebrada a sequência do maior rival, o Confiança. Ainda, foi o primeiro título conquistado pelo ex-goleiro e agora técnico Clemer.


Foto Divulgação/Clube Sportivo Sergipe


Foto Divulgação/Gílson de Oliveira


ABC Campeão Potiguar 2016

Um dos primeiros estados a ter seu campeão definido no Brasil foi o Rio Grande do Norte. E a taça voltou para as mãos do ABC, que é o maior vencedor de estaduais em todo o país, agora com 56 títulos. O último veio diante do seu maior rival, o América. Empate em 3x3 nas Dunas e vitória por 4x0 no Frasqueirão fizeram do Elefante o novo campeão, evitando o tri do oponente.


Foto Divulgação/Tribuna do Norte

domingo, 1 de maio de 2016

Santa Cruz Campeão da Copa do Nordeste 2016

O segundo campeão de 2016 é o Santa Cruz, que conquistou a Copa do Nordeste pela primeira vez na história, ao menos no formato vigente entre 1994. A Cobra Coral eliminou, na ordem: Juazeirense, Confiança, Ceará, Bahia e Campinense. Este último foi o finalista, com vitória do Santinha por 1x0 no Arruda, e empate em 1x1 em Campina Grande.


Foto Antônio Melcop / Santa Cruz Futebol Clube

quinta-feira, 21 de abril de 2016

Fluminense Campeão da Primeira Liga 2016

Depois de quatro meses sem atividade alguma aqui, vamos inaugurar o hall dos times campeões de 2016. E a honra cabe ao Fluminense, que venceu a Primeira Liga (ou Copa da Primeira Liga, ou ainda Copa Sul-Minas-Rio). Venceu na final o Atlético-PR por 1x0, depois de eliminar Cruzeiro, Criciúma e Internacional. Embora leve um caráter amistoso aos olhos (sujos) da CBF, o título da Primeira Liga pode ser equivalente aos extintos Torneio Rio-São Paulo (1933-1966, 1993 e 1997-2002) e Copa Sul-Minas (1999-2002).


Foto Divulgação / Flickr Fluminense Football Club