sexta-feira, 27 de outubro de 2017

Cruzeiro Campeão da Copa do Brasil 2000

Em 2000, o Cruzeiro levou a melhor e garantiu seu terceiro título da Copa do Brasil. E invicto – com oito vitórias e cinco empates.
O Cruzeiro iniciou a competição eliminando o Gama do Distrito Federal. O adversário seguinte foi o Paraná, onde a Raposa venceu fora por 2 a 0 e, pelo regulamento, eliminou o confronto da volta. Na terceira fase, dois triunfos contra o Caxias. Nas oitavas de final, passou pelo Atlético-PR com vitória em casa, e empate no Paraná. Na fase seguinte, sofreu mas passou pelo Botafogo, e se garantiu na semifinal. Para se classificar à grande final, o Cruzeiro venceu o Santos.
O título veio com uma final histórica diante do São Paulo. No primeiro jogo, no Morumbi, a Raposa conseguiu neutralizar o ataque tricolor e segurou o empate sem gols.
Em Belo Horizonte, um jogo muito disputado. os gols só saíram no segundo tempo. O São Paulo saiu na frente com um gol de falta. Precisando então de dois tentos para ficar com o título, o Cruzeiro partiu para o ataque. Quando o jogo ia se aproximando do final, Müller tabelou com Fábio Júnior, que empatou e incendiou novamente o Mineirão. Aos 45, a virada histórica. Após confusão pelo posicionamento da barreira em cobrança de falta, Geovanni bateu forte, viu a barreira abrir e a bola parar no fundo do gol: 2 a 1 e o tricampeonato da Raposa.


Foto Arquivo/EM/D.A Press